quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Considerações

Um dia , há tempos atrás, me apelidaram de "Mulher Arco- Íris ".
Fiquei lisonjeada é certo , mas vindo de quem foi , coloco-me sempre a dúvida , o propósito de tal expressão .
Hoje , sinto -me mesmo um Arco-íris e entendo a dita !
As cores primárias , que compõem o mesmo , fazem parte da minha aura , e hoje sinto-me
profundamente Vermelha , ou encarnada , como dizem os lisboetas ... rsrsrsr
A profusão de cores que me invade , é precisamente a de um Arco - Íris , ilusório ou não ...
Quererá o gnomo encontrar o pote no final do Arco-Íris ?
Ou será que não é um gnomo ?




1 comentário:

  1. Deixa-me ser esse,gnomo,em busca do tesouro,escondido.

    ResponderEliminar